Ouriço-Cacheiro (erinaceus europaeus)

O ouriço-cacheiro, sempre o achei muito engraçado, um ser pacato e engraçado, desde novo ouvi falar deste simpático animal, quer por parte dos meus avós, que falavam que era um petisco…. Desde histórias que os picos eram bem afiados, e que quando entravam nos pomares rebolavam sobre as maças caídas no chão e as levavam para o ninho nas costas… bem… histórias!
É sem dúvida o maior insectívoro da fauna portuguesa, podemos encontra-lo praticamente em todo o lado, muitas vezes não damos por ele, pois só entra em actividade no final do dia até ao amanhecer… só me cruzei com este simpático animal 3 vezes, a primeira na Quinta do Conde quando voltava para casa com a minha mãe, e vi um animal bem estranho a atravessar a estrada de terra batida…. Era bem novo mas corri logo para ele que se enrolou, e lá convenci a minha mãe a ir buscar um balde e leva-lo para casa…. (risos), o meu pai bem mais sensato lá me confundiu e soltou o animal… fiquei dias a pensar para onde teria ido mas nunca mais o vi…
Na segunda vez ia de carro à noite e vi-o no meio da estrada, ali perto dos Vales concelho de Mação. Parei o carro, agarrei-o e entrei pelos pinheiros a dentro e soltei-o um pouco longe da estrada… não fosse ser atropelado…
Já na terceira vez apanhei este pequeno que não resisti a leva-lo ate casa e tirar-lhe umas fotos, mas logo o soltei, este apanhei-o dentro da vila de Mação, decerto andaria perdido….

Como podemos ver a par da sua couraça, repleta de espinhos, na outra face do corpo encontra-se o seu ventre bem peludo com o seu focinho pontiagudo, patas curtas com 5 dedos e  unhas bem compridas, e claro as sua pequenas orelhas.
Quando em perigo enrola-se sobre si mesmo ficado uma bola de espinhos, apesar da sua belíssima protecção, muitas vezes acabam por servir de alimento a raposas, cães e algumas rapaces nocturnas…
Alimenta-se essencialmente de insectos e vermes, embora também se possa alimentar de ovos, pequenos vertebrados e sementes… Nas zonas mais a norte do país e zonas montanhosas onde é difícil manter a sua temperatura corporal, o ouriço chega a hibernar no seu “ninho” (por vezes tocas abandonadas, debaixo de uma pilha de lenha, ou em fendas nas rochas, etc.) para isso serve-se das suas reservas de gordura, já que a sua temperatura corporal desce, tal como o seu ritmo cardíaco, e o funcionamento dos seus organismos internos também.
Reproduz-se 2 vezes por ano, ora na primavera ora no Outono, altura em que deixam de ser solitários, já que passam grande parte do ano preocupados com a alimentação.
Tem entre 4 e 6 crias após um período de gestação de 12 semanas, passado um ano já terão atingido a sua maturidade sexual…
É um animal pequeno não chegando a ultrapassar os 25 cm, nem os 5 kg de peso…
No outro dia enquanto via uns sites aqui na Net, observei um site onde falavam como ter um ouriço como animal de estimação… o que achei uma grande estupidez… realmente o ser humano é o maior inimigo deste bonito animal, pois além dos atropelamentos que ocorrem frequentemente, também com o uso de pesticidas e herbicidas que afectam em muito a saúde deste animal, bem como a redução do seu habitat.

Bem e lá seguiu o seu caminho após talvez o seu primeiro encontro, com o “bicho” HOMEM……

5 thoughts on “Ouriço-Cacheiro (erinaceus europaeus)

  1. Parabens pelo teu blog! O contacto com a natureza suscita o desejo de proteger a biodiversidade. Com tanta especie neste planeta ainda continuamos a mandar sondas espaciais á procura de vida "alien", estranho este animal chamado Homem. Por isso dá-lhe Gadyhasta LA

    Gostar

  2. Muito fofinho o ouriço.Os animais selvagens devem ser sempre devolvidos à liberdade. Fizeste bem… E os animais domésticos nunca deviam de ser vendidos. Acho horrivel um animal numa gaiola.Muito bom este blog. Continua ;)"Quando o homem aprender a respeitar até o menor ser da criação, seja animal ou vegetal, ninguém precisará ensiná-lo a amar seu semelhante." Albert SchweitzerAna Santos

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s