Receita para cogumelos “Lactarius deliciosus”

 

Agora que pelos campos fora, nascem cogumelos e outros fungos por todo o lado, existem alguns que são comestíveis. Dos que mais gosto são o Macropeliota procera e o Lactarius deliciosus mais conhecido por sancha, laranginha, seta, cenourinha entre muitos outros nomes.

Este cogumelo destaca-se um pouco pela sua cor totalmente laranja, tendo no pé umas manchas arredondadas também cor-de-laranja mais escuro, outra das características é que quando cortamos o pé para o colher, solta logo um leite cor de laranja escuro no local do corte. Outra característica é no local onde é tocado com mais força, acabamos por provocar uma “ferida” que oxida e vai ganhando uma cor esverdeada. Também no chapéu laranja apresenta uns círculos mais escuros de forma concêntrica.

Frequentemente encontro estes cogumelos em zonas de pinhal, outras vezes no meio das estevas mas sempre perto de zonas de pinhal. Há dias encontrei uma espécie parecida, pela parte de cima até se aparentava ao “cenourinha”, mas quando o cortei, não largou aquele leite laranja, e a parte debaixo do cogumelo e o pé eram brancos. Seria um parente do Lactarius deliciosus, neste caso um Lactarious chrysorrheus, que podem observar nas fotos abaixo.

Passando à parte da culinária, já comi “setas” Lactarious deliciosus assados no forno, apenas com azeite, alho, coentros e sal, mas desta vez experimentei de uma forma diferente.

Numa frigideira fiz um refogado com cebola e cenoura, não pus muito azeite, apenas o indispensável. Depois de alourar um pouco, coloquei um bife de peru cortado às tiras pequenas, e logo de seguida os cogumelos também cortados às tiras que foram previamente lavados e fervidos. Fui acrescentando água fervente para não secar muito, sal e pimentão doce. Depois de deixar apurar e quando já estava com um sabor apreciável e quase pronto, coloquei bacon cortado aos quadrados que não deixei cozinhar muito para não ficar cozido.

Para acompanhar umas belas batatas fritas, e um arroz que fritei um pouco em azeite e só depois lhe pus água fervente para cozer, de modo que ficou bem solto. Uma bela fatia de pão caseiro e um bom copo de vinho.

Como se costuma dizer “ até estala!!!”

Abraço

2 thoughts on “Receita para cogumelos “Lactarius deliciosus”

  1. Já os comi um pouco oxidados pois essa oxidação origina-se pelo manuseio dos mesmos. Em relação ao chapéu quando são novos são mais arredondados depois vão se tornando algo convexos.
    Abraço!!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s