Garça-boieira (Bubulcus ibis)

 

Hoje finalmente consegui umas fotos razoáveis de uma garça-boieira (Bubulcus ibis), também conhecida por “carraceiro”. Tal como indica o nome, esta é muito habitual no meio do gado, habita zonas frescas, como arrozais, charcas e outros cursos de água.

Pela tarde quando passava numa zona de lezíria, perto da Chamusca, lá estavam elas no meio de um pasto, abibes e cegonhas também eram visíveis ao longe. Desta vez houve uma que me deixou aproximar o suficiente para tirar umas boas fotos com a minha misera máquina de 200 e poucos euros (risos). Estava bem entretida a alimentar-se. Insectos, anfíbios, répteis, pequenos mamíferos entre outros fazem parte da sua dieta.

Esta em relação à águia-real de que falei no último “post”, em que apenas existirão “cento e tal” indivíduos em Portugal, estima-se que existam entre 25 000 e 30 000 casais de garças-boieiras!! Que diferença abismal não?

Embora nestas fotos apresente as patas pretas, aquando na época de reprodução estas tornam-se laranjas, tal como no dorso e na coroa que também ganham um tom alaranjado.

Pode ser confundida com a garça-branca-pequena (Egretta garzetta), mas com um pouco mais de atenção podemos logo encontrar diferenças. O bico da garça-boieira é amarelo alaranjado, enquanto que o da garça-branca-pequena é preto, e embora a garça-boieira tenha as patas ou pretas ou laranja, a garça-branca-pequena tem as patas pretas com um pormenor interessante. Os dedos são amarelos!!

Se por acaso se confundirem não importa, comigo já aconteceu isso um dia! (risos)

Abraço!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s