Por vales do concelho de Mação

Por vales do concelho de Mação

Ontem percorri um pouco do grande vale onde passa a Ribeira do Carvoeiro, entre o Vale da Mua e a Ribeira do Aziral, onde grandes afloramentos de granito rompem o vale proporcionando paisagens excepcionais.

Devido à eliminação da vegetação pelo incêndio foi permitido descobrir novas cavernas que desconhecia no vale, locais que possivelmente homens da pré-história terão usado como abrigo.

Por todo o vale, tirando borboletas e gafanhotos, a vida desapareceu. Apenas uma flor alegrava aquelas rochas e uma pele de cobra reluzia reflectindo a luz do sol.

Continuei a descer o vale até chegar à ribeira. Aí a vegetação permanecia quase intacta, num tronco encontrei alguns vestígios de uma lontra que não terminou a sua refeição.

Toutinegras e outras aves andavam por ali e num pinheiro consegui fotografar uma cia Emberiza cia.

Abraço!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s