Zimbreira, terra de zimbros?

Zimbreira, terra de zimbros?

A zona da Aldeia da Zimbreira, na freguesia dos Envendos, é um local cheio de riqueza, desde vestígios históricos como castros e pinturas rupestres, a uma biodiversidade que embora em grande declínio se deixa ver no local. Geologicamente são muito interessantes todos os afloramentos rochosos ali existentes, estes proporcionam habitat a muitas espécies, entre elas a uma colónia de grifos de que falei no meu ultimo artigo aqui no respiranatureza.com. Desta vez vou falar de uma das espécies da nossa flora, que naquele local se destaca em relação ao resto do concelho.

Hoje apenas existem alguns “resíduos” de outros tempos em que o Zimbro-galego proliferava por aqueles lados, e talvez tenha acabado por ajudar o nome à terra “Zimbreira”.

Em vias de desaparecer deste local e consequentemente do concelho de Mação o Zimbro-galego Juniperus oxicedrus é uma das planta que por enquanto vai resistindo na paisagem.

Trata-se de um arbusto ou pequena árvore de folha persistente nativa da região mediterrânea que surge normalmente em zona pedregosas ou arenosas com solos pouco encharcados.

Desta vez encontrei-o com os “frutos” maduros, pelo que recolhi um punhado deles para fazer umas experiências para a sua propagação e posterior devolução ao seu habitat em declínio. Noutros anos experimentei propaga-los por estaca e também tive sucesso.

Em Portugal esta espécie pode se encontrar principalmente na região centro este, e também no norte do país na região mais interior.

É uma pena se esta espécie se extinguir no nosso concelho, principalmente por se tratar de uma população localizada e selvagem. Outras espécies estão em vias de desaparecer do nosso concelho como os azereiros e as aroeiras, também o carvalho cerquinho.

Enfim já que hoje em dia se fala tanto de património e se dá tanto valor a coisas inventadas nas últimas décadas e que tudo fazem para as proteger, haja alguém que repare no património onde o ser humano evoluiu até aos dias de hoje. O património natural.

Hasta!

2 thoughts on “Zimbreira, terra de zimbros?

    • Adelino, obrigado eu pelo comentário.
      Sim estas árvores são cada vez menos no nosso concelho, e com o fogo que passou na Zimbreira ainda são menos, é uma pena.
      Abraço!

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s